07/01/2015

Beber líquidos na refeição engorda mesmo?


Beber líquidos durante a refeição sempre foi um mistério sobre o impacto que causaria no corpo e a verdade é que este hábito pode sim vir carregado de alguns quilinhos a mais à longo prazo.
Para ingerir líquidos sem culpa, o melhor momento é 20 minutos antes ou 60 minutos depois de cada refeição. Entretanto, quando optar por ingeri-lo durante as refeições, o indicado é restringir-se a apenas 200 ml, no máximo.
Muito mais do que engordar a longo prazo, a ingestão de líquidos durante a refeição acaba gerando uma sensação de inchaço abdominal por conta da dilatação estomacal. Com isso, a sensação de saciedade em um período de tempo vai se tornando mais difícil de alcançar pela maior elasticidade do estômago .
A ingestão de líquidos durante a refeição pode fazer com que a digestão fique ainda mais lenta e acabe ocasionando uma deficiência na absorção de alguns nutrientes que pode levar a doenças em um futuro.
 Quem não consegue deixar o hábito de lado também não precisa ficar se preocupando tanto, pois existem opções que podem controlar esses efeitos colaterais como sucos de frutas ácidas (kiwi, abacaxi e morango) ou a água, pois eles não atrapalham na digestão nem acrescentam muitas calorias à refeição. É muito importante lembrar que líquidos gaseificados são a pior escolha para quem busca emagrecer por dilatarem ainda mais o estômago.
Por ser muito esquecida durante a correria do dia a dia, a hidratação corporal é muito lembrada no momento em que se senta à mesa. A verdade é que este não é o melhor momento para realizar o processo de hidratação. Para não precisar resolver o problema da hidratação neste momento, o indicado é consumir alimentos ricos em água como melancia, melão, uva, chuchu, entre outros.
A hidratação é algo importantíssimo para manter a saúde do corpo em dia e ajuda também na perda de peso, portanto, não deve ser deixada de lado ao longo do dia, mas apenas nos momentos da refeição.
Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário