06/04/2014

Casal canadense acusado de prática sexual a bordo de um voo se declara inocente.



Um casal canadense acusado de prática sexual a bordo de um voo de apenas duas horas, de Toronto a Halifax,  em avião da Air Canadá,  compareceu nesta terça-feira diante de um juiz e se declarou inocente.

Jason George Chase, 39, e Alicia Elizabeth Lander, 25, foram presos no dia 24 de janeiro assim que o avião pousou no aeroporto Halifax Stanfield.  A polícia montada canadense que efetuou a prisão dos dois não informou que tipo de prática sexual motivou a prisão, mas afirmou que não houve intercurso.  Também não informou se os dois eram namorados ou tinham acabado de se conhecer.

Lander, a moça, além de ser acusada de praticar atos indecentes a bordo, também é acusada de resistir à prisão e de dar pontapés nos policiais.  Quem ficou em situação mais complicada foi Chase, cuja esposa estava esperando por ele no aeroporto. Como será que ele saiu da enrascada?

O julgamento dos dois está marcado para janeiro de 2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário