28/06/2014

Artesanato milionário.



Quem diria que em tempos de gadgets e computadores sofisticados um dos brinquedos mais populares do mundo no momento sejam pulseiras de elásticos coloridos entrelaçados à mão. Em vários países as pulseiras multicoloridos estão por toda parte: nos parquinhos, nas escolas e espalhados por todos os cômodos da casa.

O Rainbow Loom, um tear de plástico transparente destinado a transformar a matéria-prima em bijouteria, já vendeu mais de três milhões de unidades em todo o mundo. A dimensão da sensação causada pelo acessório pode ser medida pelas estatísticas do site britânico da Amazon. Entre os 30 brinquedos mais vendidos, todos estão ligados aos elásticos e às pulseirinhas, cujo o nome em inglês é "loom bands".



Apesar de ter como público alvo crianças com idades entre oito e 12 anos, as loom bands também já são moda entre adultos e celebridades. Em recente visita à Nova Zelândia, Kate Middleton exibiu a sua, vermelha e azul. Na Grã-Bretanha, é possível comprar 1,8 mil elásticos por 1,99 libra (R$ 7,5). O tear está a venda por menos de 20 libras (R$ 75).

O Rainbow Loom foi criado em 2011 por Cheong Choon Ng, um americano nascido na Malásia que trabalhou em empresas de tecnologia em Michigan. Ao observar as filhas entrelaçando pequenos elásticos com os dedos para fazer suas próprias pulseiras, ele tentou fazer o mesmo, mas seus dedos eram grandes demais. Ele então decidiu construir seu próprio tear à moda antiga, usando pinos sobre uma base de madeira. Suas filhas ficaram impressionadas como, usando o tear, era possível criar formas mais sofisticadas com os elásticos e em pouco tempo o tear artesanal virou mania mundia fazendo de seu inventor um milionário.



Nenhum comentário:

Postar um comentário